Search
Saturday 24 August 2019
  • :
  • :

Momento reflexão evangelho 04/08/19

Lc 12,13-21 – Ser rico diante de Deus.

O seu tesouro está em acumular ou doar um pouco de seus bens ou seu tempo ao próximo?

Preparação do ambiente

Colocar em destaque a Bíblia aberta e uma vela acesa. Símbolos que ajudem a compreender a realidade do possuir: dinheiro que provoca injustiças, realidade dos ricos e pobres, coisas descartáveis etc.

Acolhida e canto

Saudação: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Dirigente – O texto nos leva a pensar, refletir sobre questões fundamentais da mossa vida, como por exemplo, os valores. Vivemos numa sociedade que põe a busca da felicidade no dinheiro, nas posses, no prazer, e que simplesmente não tem coragem de pôr Deus em sua vida.

Recordação da Vida

Quais fatos desta semana nos chamaram atenção, seja em nossa família? No bairro? No trabalho? Quais são os valores que temos? O que nós consideramos como valor? Conhece alguém que se tornou verdadeiros inimigos por causa da herança?

A Palavra de Deus nos ilumina

Dirigente – Vamos ouvir atentamente o texto proposto e compreender mais uma vez o justo lugar dos bens e a necessidade de ser livres diante deles. Não deixar que a avareza habite em nossas vidas, colocando os bens como se fossem essenciais para viver.

CantoMuito alegre eu te pedi o que era meu, partir, um sonho tão normal

Dissipei meus bens e o coração também, no fim meu mundo era irreal.

Confiei no Teu amor e voltei. Sim, aqui é meu lugar. Eu gastei Teus bens, oh Pai,

E te dou este pranto em minhas mãos.

  1. Leitura – Evangelho Lucas 12, 13-21

Dirigente – O que diz o texto?

Repetir uma frase, uma palavra (não é momento de interpretação do texto)

Qual a palavra que mais se repetiu no texto?

Incentivar a partilha, caso seja em grupo.

2)  Meditação (Atualização da Palavra)

Dirigente 

  • O que esta palavra diz pra mim?
  • O que é realmente importante?
  • Onde estamos depositando nossa segurança, nova esperança?
  • Onde está o sentido da nossa vida?
  • O texto questiona fortemente alguns dos fundamentos sobre os quais a nossa sociedade se constrói. O capitalismo selvagem que, por amor do lucro, escraviza e obriga a trabalhar até à exaustão (e por salários miseráveis) homens, mulheres e crianças, continua vivo em tantos cantos do nosso planeta… Será que podemos ser indiferentes a toda essa realidade?
  • Jesus, falou que nossa segurança vem de fazermos parte de uma comunidade amorosa e solidária que cuida das necessidades de cada um Essa segurança está presente em nossa comunidade eclesial, paroquial ou comunitária?

Silêncio …

Incentivar a partilha, caso seja em grupo

3) Oração

Dirigente – Releia lentamente o Evangelho.

Quê paixão move o meu coração? Meu coração está livre? Meus afetos estão ordenados?”

Temos muitas atitudes, posses, ideias, cargos, posições, bens que consideramos como Vontade de Deus; na realidade é tudo “projeção” de nossos desejos, de nossa vontade, de nós mesmos…

Quê “apegos” estão travando minha vida e impedindo-me de aderir a Cristo incondicionalmente?

Silêncio…

Momento de falar com Deus – Preces

Após cada prece responder:  Dai-nos, Senhor, a vossa graça e a vossa paz.

Dirigente – Como consideramos as coisas que realmente são importantes em nossa vida? Neste texto Jesus falou sobre a natureza da verdadeira riqueza. Aos olhos de Deus, a riqueza é adquirida pela fé e pelo dom de si aos outros. Louve, agradeça e suplique esta graça.

Pensa-se muito em sobreviver, em bens acumular, e se esquece de viver, e em Deus confiar.

 4) Contemplação

Dirigente – Onde há a abundância da ganância, há carência de quê?

Como você pretende viver concretamente, durante este dia, os apelos que o Senhor lhe revelou?

Silêncio…

Após cada momento entoar o refrão do canto proposto.

5) Encerramento

Pai, preserva-me do apego exagerado às riquezas, as quais me tornam insensível às necessidades do meu próximo. Que eu descubra na partilha um caminho de salvação. Amém.

Dirigente – Hoje celebramos a vocação sacerdotal.  Cristo chama, prepara e envia em missão aqueles que deixam tudo para segui-lo e viver o seu sim com ardor e entusiasmo. Rezemos por nosso pároco Pe. Gleición.

Pai Nosso.

*** Reflexão preparada pela Maria Ilda / Membro da Pascom e Equipe Setorial ***




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *