Search
Monday 10 August 2020
  • :
  • :

JUC completa 10 anos

PASCOM Maria Serva do Senhor – 02 de Jun. de 2020

EM MEIO À PANDEMIA, JOVENS UNIDOS EM CRISTO (JUC) COMPLETA 10 ANOS

Criado em 2010, na Paróquia Maria Serva do Senhor, o Grupo de Jovens destaca-se por sua simplicidade: ide com confiança ao encontro com Jesus!

Eduardo Martins, Jornalista_________________________

HISTÓRIA DO JUC MARIA SERVA DO SENHOR

Tudo começou, em 2010, quando Patrick Mendes, decidiu montar o grupo de jovens, ele conhecia alguns casais que tinham filhos, os pais animados com a ideia, reativaram também o ECC (Encontro de Casais com Cristo) com base no JUC (Jovens Unidos em Cristo).

O grupo de Jovens (JUC) foi criado há 10 anos, nas vésperas das festividades de Pentecostes, por alguns filhos de paroquianos da comunidade Maria Serva. “A criação contou com o apoio do pároco da época, padre João Carlos, com isso eles se reuniram na casa de uma dessas famílias e começaram a realizar os encontros”, disse Gabriel Ribeiro membro do JUC. “O grupo cresceu, tomou forma, e o padre João Carlos pediu para que um dos meninos realizasse esses encontros, esse movimento, na Paróquia e apresentou para toda comunidade, logo depois pensaram no nome: Jovens Unidos em Cristo”, concluiu ele.

O padre João Carlos sempre falava para fazer um grupo de jovens e no dia 31 de maio de 2010, iniciou-se as atividades, orientados pelo coordenador da época, Patrick Mendes, os jovens manifestaram suas expectativas em relação ao grupo. Momentos de oração, reflexão e louvor alegraram o primeiro encontro.

“Eu tinha uns 14 anos nunca tinham participado de um grupo de jovens, mas todo mundo, não só o padre João, vinha até mim, porque eu era um dos poucos jovens que estavam atuantes naquela época, e perguntavam: por que você não faz um grupo de jovens? Na época o padre João, sempre gostou de movimento na paróquia, principalmente de oração, ele ficou muito feliz e sempre apoiou bastante”, relata Patrick Mendes.

Ainda de acordo com Patrick, o grupo de jovens fez parte de sua vida integralmente durante muitos anos. “Começamos o nosso grupo em uma reunião, tomando caldo na casa da nossa madrinha Íris, para decidir o que faríamos na missa de pentecostes, nascia o primeiro projeto da juventude”, conta.
A atual coordenadora do JUC, Laura Santos, entrou em meados de 2018, quando estava terminando praticamente o trabalho do Gabriel Ribeiro e do João Vitor Gomides. “Eu entrei na coordenação do JUC, em agosto de 2018, e logo em seguida Giovana Ramos, Gabriel Ramos e Vinícius Cesar, o grupo cresceu e a mão de obra também”, conta Laura.

“O MOMENTO MAIS MARCANTE FOI QUANDO DEIXEI A COORDENAÇÃO, NO ÚLTIMO RETIRO, EU ERA O ORGANIZADOR. FOI EXTREMAMENTE TRISTE E DOLOROSO. MAS SABIA QUE AQUELE PROJETO ESTAVA CONTINUANDO E CRESCENDO, NAS MÃOS DE DUAS PESSOAS MARAVILHOSAS: JOÃO VITOR GOMIDES E O GABRIEL RIBEIRO, DOIS AMIGOS DO PEITO”.
(Patrick Mendes)

ORDEM CRONOLÓGICA DA COORDENAÇÃO DO JUC

 Patrick Mendes;

 Patrick Mendes, Gabriel Ribeiro, João Vitor Gomides;

 Gabriel Ribeiro, João Vitor Gomides;

 Gabriel Ribeiro, João Vitor Gomides e Gabriel Ramos;

 Gabriel Ramos, Laura Santos e Ayslan Martins;

 Atualmente – Gabriel Ramos, Laura Santos, Giovana Ramos e Vinícius Cesar Menezes.

AS AÇÕES DO JUC

Em 2012, Gabriel Ribeiro, entrou efetivamente para o grupo, um ano depois de fundação. “Aprofundei nos estudos da igreja, relacionados à espiritualidade, engajei dentro do grupo”, disse. “No meu primeiro encontro teve uma cantora que hoje em dia, ela é conhecida no mundo Gospel, Alessandra Sales, através das palestras e músicas, levou-me a querer participar do grupo de jovens”, relata.

A trajetória de Gabriel no grupo completou oito anos, foi coordenador e atualmente devido aos estudos e trabalho passou a tarefa da coordenação para Laura Santos e outras três pessoas, ele continua como membro do JUC. “No início, eu estava começando a entender o que seria o grupo de jovens, o que eu teria que fazer, então, eu tive poucas ações, à frente do grupo, porém, o JUC na época teve ações como: palestras, dinâmicas e momentos de espiritualidade”, conta.

Para Laura Santos, atualmente coordenadora do grupo. “Não importa a quantidade de pessoas, e sim qualidade! Porque a quantidade de pessoas que frequentam é só um detalhe. O que importa é o nosso trabalho. O lema foi esse durante o ano inteiro, então, o JUC, hoje trabalha com a simplicidade e é assim que conseguimos atingir mais público. Os encontros são semanais, todas as sextas-feiras, três dias de retiro espiritual, uma vez por ano, movimentos, adoração e vigília, sempre frisando essa simplicidade”, detalhou.

AS PRINCIPAIS AÇÕES DO JUC DURANTE OS 10 ANOS

– Auxílio nas festas Juninas (Dança da quadrilha);
– Participação na Jornada Mundial da Juventude (JMJ);
– Vários festivais de torta, para arrecadar auxílio financeiro para os acampamentos;
– I Baile dos Namorados da Paróquia Maria Serva do Senhor;
– Acampamento no jardim da igreja;
– Vários acampamentos de três dias fora do âmbito paroquial;
– Missões de evangelização no bairro Alípio de Melo organizando pelo JUC com o auxílio da comunidade / forania São João Bosco;
– Eventos jovens (Cristotecas/Pós Carnaval católico);
– Luau no jardim paroquial;
– Auxílio nas ações litúrgicas das celebrações dominicais às 19h;
– Encontros semanais (Palestras, Dinâmicas, Espiritualidade);
– A consagração do grupo;
– Ações de lives de temas importantes nos dias pandêmicos (Covid-19).
________________________
Para saber mais sobre Jovens Unidos em Cristo (JUC) e as novidades do grupo, Laura Santos, conversou com o jornalista Eduardo Martins.

Diante da pandemia do coronavírus o JUC teve que se reinventar?
Laura Santos “As nossas redes sociais já estavam prontas, e foi fácil adaptar,tínhamos um público,e quem frequentava o grupo já sabia do Instagram. Temos uma live, toda quinta-feira, às 20h, e nas sextas temos um encontro virtual através do Discord: vídeo chamada”.

Quais os desafios?
Laura Santos “O grande desafio para o jovem está sendo o trabalho individual, na própria casa, na questão de oração, informação, estão procurando por conta própria: a busca da fé interior”.

E os pontos positivos?
Laura Santos “ Os pontos positivos são as lives e procuro trazer sempre temas como: Deus ainda está vivo, ele é presente na nossa vida”.

Como serão os rumos do JUC pós-pandemia? E o retorno dos jovens?
Laura Santos “Eles estão empolgados, vamos voltar com tudo! Com fé em Deus, vai dar tudo certo. Estamos fazendo um trabalho nas redes sociais, acredito que está atingindo muita gente e com certeza vão querer conhecer o grupo pessoalmente. Através do Instagram e nos grupos de WhatsApp participam ativamente, vamos voltar com uma experiência nova que vai ensinar as pessoas”.

ADORAÇÃO EUCARÍSTICA COM O GRUPO DE JOVENS

No dia 31 de maio, às 09h30m foi celebrada a Adoração Eucarística pelos 10 anos do JUC (Jovens Unidos em Cristo) para toda a comunidade com transmissão ao vivo pelas plataformas digitais da paróquia (Facebook e Instagram). O Padre Gleición além de conduzir o momento de adoração para os jovens, também comemorou os 20 anos da Paróquia Maria Serva do Senhor.

Logo no início, orações e louvores conduziram o momento de adoração dos jovens, que se colocaram de joelhos, ao longo da celebração, em atitude de profundo respeito às vítimas da pandemia do novo coronavírus (covid-19). Alguns até expressavam-se através de pedidos, o momento de oração durou cerca de 30 minutos, finalizando-se com a bênção ao Santíssimo Sacramento, pelas mãos do padre Gleicion Adrianno Silva.

“VAMOS VOLTAR COM UMA EXPERIÊNCIA NOVA QUE VAI ENSINAR AS PESSOAS”.
(Laura Santos)

Nossos agradecimentos:
Padre Gleición Adrianno Silva
Conselho Pastoral Paroquial
Pascom – Pastoral da Comunicação

Patrick Mendes, Gabriel Ribeiro e Laura Santos
Coordenação e Membros do JUC (Jovens Unidos em Cristo)
Contribuição no Texto / História

Publicação: Pascom – Pastoral da Comunicação

#JUC #grupodejovens #paroquiamariaserva #10anos
#pascom




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *